Agenda de Cavalgada e Queima do Alho 2018


JANEIRO
05 a 14: Cavalgada Eduardinho e Amigos - Valparaíso/SP
21 dom: Circuito Queima do Alho - Estância Alto da Serra - São Bernardo do Campo/SP
24 a 28: 11º Encontro Nacional de Muladeiros - Iporá/GO

FEVEREIRO
10 e 11: 3º Encontro de Muladeiros - Itaguajé/PR 
04 dom: Cavalgada dos Amigos - São Jorge do Ivaí/PR
18 dom: 10º Cavalgada de Emancipação - Itapevi
25 dom: 2ª Cavalgada Arena's Bar - Birigui/SP

MARÇO
04 dom: Queima do Alho - Óleo/SP
11 dom: 8ª Cavalgada Dia Internacional da Mulher - São Bernardo do Campo/SP
11 dom: Grandiosa Cavalgada - Ouro Fino/MG
11 dom: Cavalgada em Prol Hosp. do Amor - Guararapes/SP
17 e 18: I Encontro das Comitivas - Andirá/PR
18 dom: 2ª Queima do Alho - Cabreuva/SP
18 dom: 13º Passeio Ecológico - Lourdes/SP
25 dom: 1º Etapa do Circuito Queima do Alho - Itupeva/SP
25 dom: Cavalgada e Queima do Alho - Gigantão Pirajui/SP

ABRIL
06 a 08: 3º Cavalgada GP Muares - Morrinhos/GO
07 sab: 2ª Queima do Alho - Expoaraxá
08 dom: Cavalgada - Pacaembu/SP
08 dom: Cavalgada do Ferreirinha - Pardinho/SP
08 dom: 5ª Cavalgada Solidária - Agudos/SP
08 dom: 12ª Prova de Marcha Muares - Valinhos/SP
14 sab: 1º Poerão da Marcha Caxambu - Jundiaí/SP
15 dom: Cavalgada - Arealva/SP
15 dom: 10ª Cavalgada da APAE - Carmópolis de Minas/MG
19 qui: Cavalgada de Santo Expedito - Santo Expedito/SP
21 sáb: 6ª Cavalgada do Produtor Rural - Varjão/GO
22 dom: 2ª Festa do Cavalo em pról APAE - Itapira/SP
25 a 30: 6ª Tropeada de Muladeiros - Monte Tocantins/TO

MAIO
05 sab.: 18ª Cavalgada Sul-Matogrossense - Três Lagoas/MS
06 dom: Circuito Queima do Alho do Interior - Araçatuba/SP
06 dom: 2ª Cavalgada de Motuca - Motuca/SP
06 dom: 2ª Cavalgada Da Aliança da Marcha - Pesqueiro do Airton
09 a 13: 1º Encontro Nacional de Muladeiros - Trindade/GO
13 dom: Cavalgada do Barretão - Anápolis/GO
17 a 20: 1ª Tropeada São Pedro - Ananás/TO
19 sáb: 3ª Cavalgada do Bem - Bom Jesus de Goiás
20 dom: 3ª Edição Queima do Alho na Roça - Barretos/SP
26 e 27: 39º Romaria de Santa Catarina de Carapicuíba a Pirapora do Bom Jesus
27 dom: 6ª Cavalgada - Populina/SP

JUNHO
03 dom: Cavalgada - Nova Luzitânia/SP
03 dom: II Cavalgada da Paz - Poção de Pedras/MA
17 dom: Cavalgada - Quatá/SP
08 sex: 3ª Prova de Marcha de Muares - Redenção - PA
10 dom: 2ª Cavalgada - Piacatu/SP
17 dom: Grandiosa Cavalgada - Crisólia/MG
30 dom: Cavalgada e Queima do Alho - Andradina/SP

JULHO
01 dom: 3ª Etapa do Circuito Queima do Alho - Itapecerica da Serra/SP
08 dom: 2ª Cavalgada dos Amigos - Birigui/SP
15 dom: 15ª Cavalgada - Inúbia Paulista/SP
15 dom: Costelão - Osvaldo Cruz/SP
26 a 29: 1º Encontro Nacional de Muladeiros - Cristalina/GO
28 a 29: 2º Encontro Nacional Muladeiros - Tapira/MG
29 dom: Queima do Alho Beneficente - Em prol ao amigo Bacuri - Catanduva/SP
29 dom: Cavalgada com Queima do Alho - Osvaldo Cruz/SP

AGOSTO

04 sab: VI Cavalgada Os Pioneiros - Pereira Barretos/SP
18 sáb: Queima do Alho - Barretos/SP
25 sáb: Queima do Alho - Barretos/SP

SETEMBRO
02 dom: Cavalgada do Bem - Adamantina/SP
16 dom: 5ª Cavalgada para Jesus - Salmourão/SP



Entre em contato conosco, através do WhatsApp (18) 99681-0490 
ou no e-mail costaberranteiro@gmail.com para Anunciar o seu Evento.


ATENÇÃO: Não nos responsabilizamos pelas informações dos eventos cadastrados.


Rádio Berranteiro no seu Site ou Blog

Incorporar a Radio Berranteiro em sites ou blogs.


Topo



<center><iframe src="http://player.sejaguia.com.br/player-barra/26982/000000" frameborder="0" width="100%" height="31"></iframe></center>



Player Box

<script type="text/javascript" src="https://hosted.muses.org/mrp.js"></script>
<script type="text/javascript">
MRP.insert({
'url':'http://stm10.sejaguia.com.br:26982/;',
'codec':'aac',
'volume':100,
'autoplay':true,
'forceHTML5':true,
'jsevents':false,
'buffering':0,
'title':'Radio Berranteiro',
'wmode':'transparent',
'skin':'darkconsole',
'width':190,
'height':62
});
</script>
              


Queima do Alho




O Concurso

O nome Queima do Alho é dado a tradição da culinária típica das comitivas de peões de boiadeiro e virou uma das principais atrações da Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos. O cardápio é composto de arroz carreteiro, feijão gordo, paçoca de carne e churrasco. A comida é feita em fogão improvisado, bem próximo ao chão. Há um concurso culinário, realizado no espaço especialmente feito para isso, chamado Ponto de Pouso, em que o vencedor é o cozinheiro que prepara a melhor refeição à moda dos tropeiros, no menor espaço de tempo. O concurso é realizado sempre no segundo sábado da Festa, apenas para convidados e imprensa.
Queima do Alho para Visitantes

Em virtude da procura por convites para o Concurso da Queima do Alho e do número restrito de convidados que podem ser atendidos, Os Independentes abrirão o espaço do Ponto de Pouso para servir a comida típica dos peões de boiadeiro, a Queima do Alho. O valor pode ser consultado pelo telefone ou e-mail, abaixo listados, por adesão com compra de bebidas à parte. Os interessados devem pré-agendar e confirmar a compra no Departamento de Turismo, pois a quantidade por dia é limitada.


RECEITAS (porções para 10 pessoas)


Arroz Carreteiro

Ingredientes: 1 kg de carne-seca, 1 kg de arroz, cebola, alho, pimenta e sal a gosto.

Modo de preparo: cozinhar a carne trocando-se a água duas vezes durante a fervura. Depois de retira-la do fogo pique com a faca até ficar quase como carne moída (não se recomenda moer na máquina, pois altera o sabor).

Em seguida, a carne deve ser colocada em uma panela grossa com banha já quente, junte com o tempero (alho picado batido, cebola, pimenta e sal). Toste um pouquinho e adicione o arroz escorrido e bem lavado. Deixe refogar por algum tempo e sempre mexendo adicione água aos poucos, acompanhando o cozimento.

Nota: este tipo de arroz fica mais gostoso ainda no dia seguinte, requentado.


Feijão Tropeiro

Ingredientes: 1 kg de feijão, 100 g de bacon, 250 g de lingüiça de porco, 250 g de torresmo de panceta, 150 g de carne seca frita (pedaços), 200 g de farinha de mandioca, cebola, alho, pimenta, cheiro verde e sal a gosto.

Modo de preparo: ponha água para ferver com o feijão, (não deixe o feijão de molho de um dia para o outro). Em outra panela frite em banha um pouco de torresmo. Durante a fase de cozimento do feijão, adicione os outros ingredientes: panceta de porco, toucinho, torresmo frito, lingüiça de porco, que deve estar cozida e cortada em rodelas finas, bacon, pedaços de gordura, carne seca. Em seguida para refogar, frite alho picado em banha com um pouco de pimenta do reino.


Paçoca de Carne

Ingredientes: 1kg charque picadinho (batido com faca), ½ kg de farinha de mandioca, ½ kg de farinha de milho.

Modo de preparo: coloque em uma panela óleo quente já com todo o tempero, principalmente alho picado, adicione a carne, deixe refogar por uns 5 minutos. Depois coloque a carne dentro de um pilão de madeira juntamente com a farinha de mandioca e a de milho, pilar até ficar fofinha.


Carne de churrasco

Ingredientes: 3 kg de carne, água e sal. Modo de Preparo: A carne deve ser fatiada em pedaços grossos e banhada em água com sal e um pouco de alho amassado. Deixe-a tomar sereno durante a noite. Depois asse em chapa de folhão.



11º Encontro Nacional de Muladeiros AMOG 2018

O 11º Encontro Nacional de Muladeiros acontecerá entre os dias 24 e 28 de janeiro de 2018 e reunirá, em Iporá-GO, os principais criadores de muares do Brasil.


A décima primeira edição do evento está ainda mais especial: toda a identidade comunicacional foi renovada, proporcionando mais força e modernidade para o Encontro e eventos adicionais. Além disso, o evento ganhou ainda mais força! Grandes shows prometem agitar a programação, além de premiações exclusivas e atrações que vão ficar pra história, como o grandioso desfile pelas ruas com mais de 2.500 animais, provas envolvendo mulas, a queima do alho, leilões e escolha da Garota AMOG.


Durante todos os dias do evento, haverão atividades voltadas para as comitivas e para o público em geral, além de exposição de equipamentos, vestuário, veículos, e muito mais!

_______________________________________________


Que festa maravilhosa, esse ano batemos recordes, tivemos 73 comitivas dentro do Parque de Exposição (de 18 estados diferentes), no desfile contamos com 3.800 animais (apenas muares), comida para 4.000 pessoas durante a Queima do Alho (e comida a vontade sem custo nenhum).
contamos com a presença de milhares de pessoas todos os dias e ainda tivemos parcerias espetaculares. A diretoria da AMOG, na pessoa do presidente Corival, deixa aqui o seu muito obrigado por todos que prestigiaram a festa e transformaram-a em uma festa melhor, faltam palavras para descrever o quanto somos gratos a vocês e a magnitude que transformaram esse evento. 

Afinal, não é à toa que somos considerados a Capital do Universo né, temos a maior festa de muladeiros do MUNDO e temos muito orgulho disso. MUITO OBRIGADO A TODOS. Vocês são demais, sem vocês não seríamos nada !!! E até o ano que vem 2019.





13ª Cavalgada Eduardinho e Amigos 2018

Tudo na vida tem um começo! A treze anos atrás 08 amigos boiadeiros resolveram fazer uma cavalgada no estilo sertanejo. A semente do bem foi  plantada naquela data se tornaria hoje uma das maiores cavalgadas do Brasil ou até da América Latina, em número de muares e distância percorrida. Eduardinho Breda, Janderson, Matheus da Fortaleza, Edson Tanaka, Anésio, Beto, Vilson, e Rafael Pará. Embarcaram a tropa de caminhão, e eles em um velho ônibus, com destino às margens do Rio Paraná. Sem saber que naquele momento estariam dando início a um grande evento do mundo das comitivas boiadeiras.
Nos anos seguintes surgiram 4 jovens boiadeiros, Messias, Mano Franco, Tio Kato e um que não mais está entre nós, Mário Branco e seu trole, foi motivando cada vez mais as pessoas a participar da Cavalgada.
Aí não tinha como dar errado,  juntos escreveram com caneta de ouro e tinta de sangue Sertanejo está história de sucesso, com tempo as outras comitivas ficaram sabendo no interior de São Paulo e foi crescendo a Cavalgada de Janeiro.
Parabéns a todos que participam da Grande Comitiva Eduardinho e Amigos que a cada ano que passa sempre fazendo novas amizades no estradão e o valor de andar com seu animal.


Somos e seremos sempre uma grande Familia Sertaneja que gosta de Resgatar esta Tradição das Antigas.

Confira os vídeos e as fotos:








Cavalgada





CAVALGADAS: SAIBA MAIS SOBRE ESSA PRÁTICA

Se você quer fugir do estresse e aproveitar um momento para relaxar, as cavalgadas são excelentes opções, principalmente se você ama andar à cavalo. E esses passeios se tornaram tradição da cultura sertaneja, já que tem tudo a ver com o estilo e traz muitos benefícios. Entre eles, te dá a oportunidade de conhecer locais da natureza que você nunca explorou, aproveitar do ar puro, fazer novas amizades e muito mais. Se animou? Então saiba mais sobre essa prática!

Como participar?

As cavalgadas são feitas por grupos e marcadas com antecedência. Para participar você deve procurar uma comitiva, uma agência de turismo ou até um haras. Eles se reúnem em grupos e saem em cavalgada. Em locais especializados no assunto, as trilhas abrangem diferentes níveis de dificuldade e você pode escolher a mais confortável para você.

O que usar?

Existem cavalgadas mais longas, que podem levar dias ou apenas passeios que vão e retornam no mesmo dia. Na primeira situação, você deve carregar trocas de roupa, diferente de quando você vai fazer um passeio curto. O que não muda é que você deve escolher roupas confortáveis e que te deixem protegido. Ainda que esteja calor, opte por uma camisa longa e calça, já que você pode se queimar e os mosquitos tendem a incomodar, principalmente se o percurso é próximo ao mato. Chapéu e óculos também vão te proteger do sol quente. No pé, uma bota vai te deixar preparado para qualquer obstáculo.

O que levar?

Se você vai a uma cavalgada que vai durar mais do que apenas algumas horas, é importante levar um pequeno estoque de comida e outras coisas que podem ser necessárias: remédios (para você e seu cavalo, nunca se sabe!), um canivete, água (se o percurso não tiver um local apropriado para beber), capa de chuva, protetor solar, repelente e uma blusa.

Blog post





Dicas

O cavalo também precisa estar preparado para a cavalgada, antes de sair, é importante garantir que ele vai aguentar passar pelos obstáculos que podem surgir, especialmente se você vai percorrer grandes distâncias. Além da preparação com as traias do animal, ele deve ter um rotina que o treine para o que está por vir. O melhor é iniciar um preparação dois meses antes por aproximadamente 40 minutos diários. Aos poucos ele vai adquirir a resistência necessária.
Outro ponto importante é a alimentação do animal, essa deve ser equilibrada visando a nutrição do animal também dois meses antes da cavalgada. Procure também descansar no caminho e fique atento aos limites do animal, é essencial prezar pelo bem-estar dele para garantir um passeio confortável e seguro.
Ao preparar o que vai levar, preste atenção na proteção dos objetos de valor. Câmera fotográfica e celular, precisam ficar dentro um saco ou um pote impermeável para caso você pegue chuva ou tenha que atravessar um local alagado.
Você já foi a uma cavalgada? Conte aqui como foi sua aventura!

4º Muar do Sertão em Barretos 2017



Muar do Sertão acontece em outubro no Parque do Peão Muar do Sertão acontece em outubro, no Parque do Peão. O quarto evento de muares realizado pela Associação Os Independentes, que ganha formato próprio reunindo criadores, treinadores, comitivas e importantes associações do segmento.

Entre os dias 12 a 15 de outubro, pela quarta vez no Parque do Peão, em Barretos, é a sede de um evento inédito: o Muar do Sertão. Com um formato inovador, o encontro contará com criadores, comitivas e interessados na aquisição de muares (burros e mulas) de diversos Estados, além de feira comercial, provas, música de raiz, desfile de muares, Queima do Alho, entre outros atrativos.

Segundo um dos idealizadores do projeto, Chico Melo, o evento acontecerá no Setor Esplanada no Parque Peão e os parceiros principais são os participantes, que abrilhantam ainda mais o evento.

Durante o evento contaremos com provas morfológicas, que avaliam características do animal como postura e marcha, e provas funcionais, que mostram os animais no dia a dia da fazenda.

Para Hussein Gemha, presidente de Os Independentes, o “Muar do Sertão” será um importante ponto de encontro para interessados em muares: “A diversificação dos eventos que recebemos no Parque do Peão ganha um novo segmento que é de extrema importância hoje para o pecuarista, pois o mercado destes animais considerados extremamente fortes para lidar no dia a dia do campo, vem crescendo ao longo dos anos. Acredito que este encontro seja um ‘pontapé’ inicial para resgatar e fortalecer uma tradição há décadas esquecidas, sendo também de um importante segmento econômico, atraindo novos turistas para a cidade e movimentando a economia”, conta.

O evento ainda contará com uma Rádio Caipira, transmitida diretamente do evento com brincadeiras e situações dos anos 50 e 60 e uma “Feira de Gambira”, onde os participantes poderão trocar objetos ligados ao mundo dos muares como selas, arreios, entre outros produtos. A organização deverá em breve divulgar a programação completa do encontro, que será aberto ao público.

Barretos promoverá Encontro de Muladeiros em outubro

Com o nome de “Muar do Sertão”, o evento será realizado no Parque do Peão com uma programação que inclui leilões, desfile, shows, provas, feira comercial e outras atrações. O objetivo é reunir criadores e apaixonados pelo mundo dos muares.

Nos dias 12 a 15 de outubro, o Parque do Peão em Barretos será palco, pela quarta vez, de um encontro de Muladeiros. Com o objetivo de resgatar tradições históricas do interior do Brasil, o Muar do Sertão deverá atrair criadores, comitivas e treinadores de muares (burros e mulas). “O Brasil foi desbravado no lombo dos muares. Os primeiros rodeios realizados no país, inclusive, foram feitos com animais dessa espécie. Eles possuem força e características únicas, que impressionam os criadores”, explica Emílio Carlos dos Santos (Kaká), diretor de Marketing da Associação Os Independentes, promotora do evento.

Durante os três dias de realização, o evento contará com; provas no Setor Esplanada do Peão; shows musicais; gastronomia típica como Queima do Alho; Tenda da Gambira, espaço que abrigará as negociações relacionadas aos muares; estúdio de rádio com músicas de raiz; concursos da melhor “tralha”; e feira comercial. Entre outras atrações relacionadas ao segmento, envolvendo apenas os muares.

Por serem híbridos, fruto do acasalamento de jumento com égua, os burros e mulas são mais resistentes, o que atrai investidores. “É um animal rústico, mas ao mesmo tempo dócil. Atualmente, o preço de um muar pode variar de R$ 3 mil a R$ 100 mil. E, apesar da força, muitos pecuaristas criam estes animais para hobby, por serem únicos”, conta o veterinário Kiko Almeida Prado, diretor de Rodeio de Os Independentes.
Barretos promoverá Encontro de Muladeiros em outubroCom o nome de “Muar do Sertão”, o evento será realizado no Parque do Peão com uma programação que inclui leilões, desfile, shows, provas, feira comercial e outras atrações. O objetivo é reunir criadores e apaixonados pelo mundo dos muares


Nos dias 12, 13, 14 e 15 de outubro o Parque do Peão em Barretos será palco, pela primeira vez, de um encontro de muladeiros. Com o objetivo de resgatar tradições históricas do interior do Brasil, o Muar do Sertão deverá atrair produtores e competidores de muares (burros e mulas). “O Brasil foi desbravado no lombo dos muares. Os primeiros rodeios realizados no país, inclusive, foram feitos com animais dessa espécie. Eles possuem força e características únicas, que impressionam os criadores”, explica Emílio Carlos dos Santos (Kaká), diretor de Marketing da Associação Os Independentes, promotora do evento.

Durante os quatros dias de realização, o evento contará com provas na Hípica do Parque do Peão, leilão, shows musicais, gastronomia típica como Queima do Alho, Tenda da Gambira espaço que abrigará as negociações relacionadas aos muares, estúdio de rádio com músicas de raiz, concursos da melhor “tralha”, feira comercial, entre outras atrações relacionadas ao segmento, envolvendo apenas os muares.

Por serem híbridos, fruto do acasalamento de jumento com égua, os burros e mulas são mais resistentes, atraindo investidores. “É um animal rústico, mas ao mesmo tempo dócil. Atualmente o preço de um muar pode variar de R$ 3 mil a R$ 100 mil. E, apesar da força, muitos pecuaristas criam estes animais para hobby, por serem únicos”, conta o veterinário Kiko Almeida Prado, diretor de Rodeio de Os Independentes.



Concurso de berrante é um dos destaques da Festa do Peão de Barretos 2017



Tão Tradicional quanto a Festa, campeonato avalia e premia os melhores berranteiros do País


Créditos: André Monteiro
 Concurso de berrante é um dos destaques da Festa do Peão de Barretos
Destaque dentro da Festa do Peão de Barretos, Concurso de Berrante será realizado no dia 26 de agosto, no Rancho Ponto de Pouso
Tão tradicional quanto a Festa do Peão de Barretos, o berrante faz parte da cultura brasileira e da memória sertaneja. E durante a 62ª edição da festa, a tradição tropeira se mantém viva com o Concurso de Berrante.

“O propósito é manter essa tradição do peão boiadeiro, do condutor da boiada. Homenagear os berranteiros de todo Brasil”, diz Armando Garcia, organizador do concurso.

A competição, que é realizada desde a primeira edição da Festa do Peão, reúne berranteiros do todo o País para eleger quem se sai melhor nas apresentações em cinco tipos de toque. Isso mesmo! Do instrumento feito com os chifres do boi é possível tirar pelo menos cinco toques diferentes. E o som do berrante alcança até três quilômetros de distância.

Uma comissão formada por três juízes avalia o desempenho dos candidatos nos toques: “Saída ou Solta”, som usado para despertar a boiada de manhã; “Estradão”, toque que reanima a boiada na estrada; “Rebatedouro”, toque de aviso de perigo; “Queima do Alho”, aviso aos peões da hora do almoço; e o “Floreia”, um toque livre, que pode ser uma música para divertimento.

E vencer todas essas etapas e ser consagrado com o prêmio de R$ 1.000 não é tarefa fácil. Alceu Garcia, 70 anos, berranteiro que coleciona 38 vitórias na competição masculina em Barretos, diz que um dos segredos é raiz na cultura sertaneja. “É mais fácil para quem tem essa ligação, essa paixão. E também tem gente que nasce com o dom”, diz.

Ainda segundo ele, também é preciso muita dedicação. “Tudo é treino. O berrante é um instrumento musical e também precisa de prática.”

O Concurso também tem a categoria feminina e as mulheres estão ganhando destaque a cada edição. Um destes destaques é Daniele Ferreira Santos. Conhecida como Danny Berranteira, ela venceu sete vezes na categoria feminina do concurso em Barretos. Começou a tocar com 15 anos de idade, ensinada pelo pai. Ela começou a participar de concursos e treinar para as competições.

Na edição deste ano em Barretos, serão 15 candidatos em cada categoria que disputam o primeiro lugar na competição. Quem fica com o segundo lugar ganha R$ 500 e os terceiros colocados de cada categoria –masculina e feminina- levam R$ 300 pra casa.



O concurso será no segundo sábado de festa, no dia 26,
antes do tradicional Concurso culinário da Queima do Alho.








Nossa Marca - Tradição das Antigas

Definindo posicionamento da Marca:

Quem é a sua Marca?
Tradição das Antigas.

O que ela oferece?
Manter a Tradição das Antigas, com materiais e produtos 
que usa em Cavalgadas e Queima do Alho.

Quais suas características mais marcantes?
Chapéu de palha Muladeiros, faixas, lenços, etc.

O que a diferencia da concorrência?
Trabalho com artesanal de altíssima qualidade.

Quem é o seu público?
Peões, berranteiros, boiadeiros, pessoas que gosta da Tradição Sertaneja, etc.







Marca do Berrante Ferradura



      Na década de 60 e 70 o pai do Natalino fazia berrante na grosa, com emenda de couro e se o berrante não ficasse bom ele jogava fora. Na onde conheceu um homem que era dono de uma Selaria chamada Ferradura em Araçatuba – SP, ele autorizou a usar o nome Ferradura nos Berrantes.
      Era 04 filhos, Natalino, Tagiba (in memorian), Ari e a irmã, o Natalino e o Tagiba ficava fazendo berrante em Araçatuba – SP, Ari foi embora fazer berrante em Araguari – MG. 
      Mexendo com berrante desde pequeno  Natlino conheceu o Tomas de Araguari – MG que é um Sr. também faz berrante da marca ferradura, que é amigos da família do Natal e que ensinou a mexer nas máquinas na década de 80.

      Natalino quando era pequeno fazia os berrantes e saia para vender com 13 anos de idade na cidade de Araçatuba – SP, era o prazer dele fazer o berrante mas o pai dele não queria, e até que acabou fazendo os berrantes.
      A idéia de fazer emenda de chifre em vez de ser de couro, foi uma mulher que pediu para fazer um bracelete de enfeite, e o Natalino teve a idéia de usar no berrante e deu certo.
      Hoje a marca de Berrante Ferradura é um dos melhores berrantes do Brasil e o mais usado em Concurso de Berrante em Barretos, tem um som muito bonito, quanto no fino quanto no baixão.


A Web Rádio Berranteiro no seu site



Coloque o script da Web Rádio Berranteiro no seu site:



<script type="text/javascript" src="https://hosted.muses.org/mrp.js"></script>
<script type="text/javascript">
MRP.insert({
'url':'http://stm10.sejaguia.com.br:26982/;',
'codec':'aac',
'volume':100,
'autoplay':true,
'forceHTML5':true,
'jsevents':false,
'buffering':0,
'title':'Web Radio',
'wmode':'transparent',
'skin':'darkconsole',
'width':190,
'height':62
});
</script>
              
_________________________________________________________________________________


<script type="text/javascript" src="https://hosted.muses.org/mrp.js"></script>
<script type="text/javascript">
MRP.insert({
'url':'http://stm10.sejaguia.com.br:26982/;',
'codec':'aac',
'volume':100,
'autoplay':true,
'forceHTML5':true,
'jsevents':false,
'buffering':0,
'title':'Web Radio',
'wmode':'transparent',
'skin':'oldstereo',
'width':318,
'height':130
});
</script>
                            
_________________________________________________________________________________



<iframe src="http://player.sejaguia.com.br/player-barra/26982/000000" frameborder="0" width="100%" height="31"></iframe>

          

A diferença de Berrantes

  Os berrantes são confeccionado por chifres de bois, na onde as emendas são feitas de chifre também, um dos melhores berrantes que eu recomendo seria Berrante da marca Ferradura feito pelo Natalino de Araçatuba - SP.
  O Berrante Tradicional é um berrante maior na onde o som sai mais com grave, um som mais bonito e o fino dele não sai muito fino quanto o cachorreiro.
   O Berrante Cachorreiro é um berrante menor com um som menos grave, mas o fino dele seria mais agudo, mais estridente, na onde vc consegue tocar música, fazer vários toques fino, e escuta de longe o som dele.

Tem diferença em berrante pequeno para o grande para quem está aprendendo? Som grau de dificuldade entre outros?
A diferença entre berrante tradicional e o cachorreiro para aprendizagem, é a dedicação da pessoa para tocar todos os dias o berrante, até ficar bom no instrumento, o grau de dificuldade é o mesmo, tanto para o grande quanto para o berrante pequeno.





Confira os vídeos da diferença de Berrantes 
Tradicional e Cachorreiros:










Aproveite e conheça nossa Loja Virtual Store Berranteiro:

Fotos da XII Cavalgada Eduardinho e Amigos 2017



Confira as fotos da XII Cavalgada Eduardinho e Amigos 2017 com grandes companheiros que jamais esqueceremos. Fica aqui um grande abraço a todos que gosta desta Tradição Sertaneja e que nos ajuda a manter para eternizar os costumes das antigas.


CONFIRA O VÍDEO DA CAVALGADA EDUARDINHO E AMIGOS


















































Google+